Veja os melhores momentos do 3º dia do Carnaval de Salvador - EddBala Entretenimento

Veja os melhores momentos do 3º dia do Carnaval de Salvador - EddBala Entretenimento

Edd Bala

blog

Veja os melhores momentos do 3º dia do Carnaval de Salvador

Dia foi marcado pelos blocos afros e trios independentes; Pablo passou por momentos de tensão e Márcio Victor deu declaração polêmica.

A terceira noite do Carnaval de Salvador foi marcada pela tradicional saída do bloco afro Ilê Aiyê. No cortejo, puxados pelos vocalistas da Band’Aiyê, Cumpadre Washignton e Beto Jamaica pelas ruas da Liberdade em direção ao Circuito Osmar. Entre os famosos que acompanharam a performance, estavam Regina Casé, Lea T., Fernanda Paes Leme, o estilista Paulo Borges e o cineasta Spike Lee também acompanharam a saída do bloco. Muzenza e e Malê Debalê também desfilaram.

O grupo Baiana System abriu os trabalhos da tarde no circuito Barra-Ondina. Em um trio sem cordas apoiado pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, a banda convidou a cantora Larissa Luz (ex-Araketu) e Fael 1º (Bemba Trio) para dividir os vocais com Russo Passapusso durante todo o trajeto. Já Gêronimo relembrou os grandes sucessos dos antigos Carnavais.

Pablo levou pela primeira vez o ritmo do Arrocha para o Carnaval de Salvador. A equipe do cantor passou por momentos de sufoco quando microfone da ‘Voz Romântica do Arrocha’ apresentou problemas técnicos no momento em que a dupla sertaneja Rick & Renner subiu no trio. Lucas Kart, vocalista da banda Kart Love, também cantou com o artista.

No mesmo circuito, Ivete Sangalo apareceu vestida de toureira e de pernas de fora. No comando da Banda Eva pela última vez durante um Carnaval, o cantor Saulo Fernandes agitou o bloco Nu Outro. A banda Chiclete com Banana arrastou o bloco Nana Banana e cantou sucessos de outros artistas, como ‘Esse Cara Sou Eu’, de Roberto Carlos, e ‘Dançando’, de Ivete.

À frente do Yes, a banda Cheiro de Amor estreou na folia baiana de 2013. Sob o comando de Durval Lélys, o Asa de Águia puxou o bloco Cocobambu. O artista, aliás, cantou com Cláudia Leitte – que ficou bastante emocionada ao subir em seu camarote pela primeira vez.

Márcio Victor, vocalista do Psirico, causou polêmica durante o desfile. Ao parar em frente ao Farol da Barra, Márcio ressaltou que iria fazer o percusso sem pressa. “Hoje quem manda na cidade sou eu. Não me apressem”, disse. O cantor criticou em relação a cobrança de maneira diferente que é feita de uma banda para outra. “Bell pode chegar aqui e ficar o tempo que quiser. Eu também sou Chicletão p… tem que ser igual”, desabafou.

O responsável pelo Trio Elétrico Tosta, que arrastou os foliões da bloco ‘As Muquiranas’, acabou multado. O motivo: nível de decibéis superior ao permitido. Já a Limpurb estimou gasto de R$ 6 milhões para limpar a cidade no Carnaval. Já foram gastos 1.664 m3 de água e 5.022 litros de detergente.

Fonte: IBahia

Deixe aqui seu comentário: